Abigail

ABIGAIL, UMA MULHER DE MUITAS QUALIDADES.



Existem muitas mulheres na bíblia que se destacaram, porém de todas elas existe uma que me chama muito a atenção, esta é Abigail; Esposa de um homem que é totalmente o oposto dela, pois enquanto ela é sábia e prudente; seu esposo é um homem totalmente tolo. Esta mulher nos da alguns exemplos de como transformar uma maldição em benção, de uma situação que tinha tudo para ter um final triste, Abigail, sai vitoriosa.
O texto está registrado em  I-Samuel 25, a bíblia nos fala de quando o Davi peregrinava pelo deserto de parã e nesta ocasião Davi se encontrava em uma situação muito difícil, totalmente desprovido de alimentos, e ao  saber que próximo dali ,estava Nabal um homem rico, ao  qual Davi já havia dado proteção aos seus pastores de ovelhas em uma outra ocasião, devendo assim Nabal pelo ao menos lhe retribuir com o bem, todavia, ele paga o bem com o mal. E nega a Davi tal provisão de alimentos. Veja o  texto: “ Ouviu Davi no deserto que Nabal tosquiava as suas ovelhas,e enviou-lhe dez mancebos, dizendo-lhes: Subi ao Carmelo, ide a Nabal e perguntai-lhe, em meu nome, como está. Assim lhe direis: Paz seja contigo, e com a tua casa, e com tudo o que tens. Agora, pois, tenho ouvido que tens tosquiadores. Ora, os pastores que tens acabam de estar conosco; agravo nenhum lhes fizemos, nem lhes desapareceu coisa alguma por todo o tempo que estiveram no Carmelo. Pergunta-o aos teus mancebos, e eles to dirão. Que achem, portanto, os teus servos graça aos teus olhos, porque viemos em boa ocasião. Dá, pois, a teus servos e a Davi, teu filho, o que achares à mão. Chegando, pois, os mancebos de Davi, falaram a Nabal todas aquelas palavras em nome de Davi, e se calaram. Ao que Nabal respondeu aos servos de Davi, e disse: Quem é Davi, e quem o filho de Jessé? Muitos servos há que hoje fogem ao seu senhor. Tomaria eu, pois, o meu pão, e a minha água, e a carne das minhas reses que degolei para os meus tosquiadores, e os daria a homens que não sei donde vêm”.
Observem que agora vêm as consequências da atitude de Nabal: “um dentre os mancebos, porém, o anunciou a Abigail, mulher de Nabal, dizendo: Eis que Davi enviou mensageiros desde o deserto a saudar o nosso amo; e ele os destratou. Considera, pois, agora e vê o que hás de fazer, porque o mal já está de todo determinado contra o nosso amo e contra toda a sua casa; e ele é tal filho de Belial, que não há quem lhe possa falar”. Versículos 14 e 17.
Observem que o mal estava determinado, a ira de Davi iria cair sobre Nabal e toda a sua casa, isso quer dizer que: não sairia ninguém vivo daquela casa. Mas, é justamente ai nesse ponto que entra em cena essa mulher tão especial, Abigail. Então veremos através dessa mulher algumas atitudes de sabedoria que transformaram um grande mal em uma enorme benção.
PRIMEIRA QUALIDADE: ELA PAGOU O PREÇO.
Veja o  no versículo “18” o que diz o texto: “Então Abigail se apressou, e tomou duzentos pães, dois odres de vinho, cinco ovelhas assadas, cinco medidas de trigo tostado, cem cachos de passas, e duzentas pastas de figos secos, e os pôs sobre jumentos”.
Ao contrário do seu marido, Abigail tinha a mão aberta, não pensou duas vezes; e enviou para Davi alimentos, pois sabia ela que naquele momento apenas palavras não seriam suficiente para abrandar a ira de Davi.

SEGUNDA QUALIDADE: MANTEVE SIGILO.
O versículo “19” diz: “E disse aos seus mancebos: Ide adiante de mim; eis que vos seguirei de perto. Porém não o declarou a Nabal, seu marido”.
Muitas vezes somos derrotados por não saber manter em segredo coisas que ouvimos ou fazemos. Abigail sabia que se relatasse sua atitude a seu marido, ele mais uma vez colocaria tudo a perder.

TERCEIRA ATITUDE: ABIGAIL FOI HUMILDE.
O versículo “23”  diz: “Vendo, pois, Abigail a Davi, apressou-se, desceu do jumento e prostrou-se sobre o seu rosto diante de Davi, inclinando-se à terra”,

A arrogância de muitas pessoas tem sido o motivo da misericórdia de Deus não as alcança-las.
Abigail, assim que avistou a Davi desceu do seu jumento e se humilhou diante dele.

QUARTA QUALIDADE: ASSUMIU A CULPA

Veja o versículo “24” o texto diz: ”e, prostrada a seus pés, lhe disse: Ah, senhor meu, minha seja a iniquidade! Deixa a tua serva falar aos teus ouvidos, e ouve as palavras da tua serva”.

Com essa atitude ela toma para si toda a culpa do seu marido, a sentença, ou seja, o mal poderia agora cair sobre ela. Será que seriamos capazes de assumir a culpa de outra pessoa para nós, correndo o risco de respondermos pelos pecados ou crimes dessa pessoa?

QUINTA QUALIDADE: ELA TINHA VISÃO ESPIRITUAL

Vemos isto nos versículos “ 28-30” que diz: “Perdoa, pois, a transgressão da tua serva; porque certamente fará o Senhor casa firme a meu senhor, pois meu senhor guerreia as guerras do Senhor; e não se achará mal em ti por todos os teus dias. Se alguém se levantar para te perseguir, e para buscar a tua vida, então a vida de meu senhor será atada no feixe dos que vivem com o Senhor teu Deus; porém a vida de teus inimigos ele arrojará ao longe, como do côncavo de uma funda. Quando o Senhor tiver feito para com o meu senhor conforme todo o bem que já tem dito de ti, e te houver estabelecido por príncipe sobre Israel”.

Com estas palavras Abigail previu o futuro de Davi, ela era uma mulher que tinha afinidade com Deus.
Muitas vezes tem nos faltado esta intimidade com Deus e quando o mal nos sobrevém, não conseguimos enxergar a vitória que está mais a frente, pois após uma tempestade sempre vem a bonança.

SEXTA QUALIDADE: NÃO FALTOU COM A VERDADE

Isto está bem claro no versículo “37” que diz: “Sucedeu, pois, que, pela manhã, estando Nabal já livre do vinho, sua mulher lhe contou essas coisas; de modo que o seu coração desfaleceu, e ele ficou como uma pedra”.

Abigail, na primeira oportunidade que teve, relatou ao seu marido as sua atitudes, fazendo assim ela o respeitou como o cabeça da casa. Pois jamais ela quebraria um princípio de Deus.

Não importa a situação na qual nos encontramos, a verdade deve sempre se fazer presente em nossa vida, pois a nossa palavra deve ser sim, sim; não, não o que passar disto é de procedência maligna.


Amados, o desfecho desta historia se dá com um final feliz para esta grande mulher, pois, após dez dias de todo estes acontecimentos, Deus mata a Nabal, deixando-a livre desse tropeço e como se isso já não fosse o bastante Davi a toma por esposa.
Texto do irmão Eduardo Araújo do blog O grão de trigo

Tecnologia do Blogger.

Rádios que ouço

Rádio Palavra de Vida - Rádio Evangélica que toca em seu coração WEB RÁDIO RGA

Participo