Abra mão da sua dor, adore


Então Davi se levantou da terra, e se lavou, e se ungiu, e mudou de roupas, e entrou na casa do Senhor, e adorou. Então foi à sua casa, e pediu pão; e lhe puseram pão, e comeu.

2 Sm 12.20


Por: Vanderléia Silva

Estava novamente lendo a história de Davi, e muitas vezes li este texto mas hoje uma frase me ardeu no coração: Abra mão da sua dor, adore.
Humanamente falando, quase uma loucura, não é?

Davi, acaba de perder seu filho, eu ainda não conheço dor maior.
Então ele se levanta do chão, perfuma-se, troca de roupa e vai adorar ao Senhor.

Quando algo nos fere, nos machuca, logo tentamos abrir mão daquilo, por que não fazemos isso com a dor?

Adorar a Deus quando tudo vai bem é fácil, agradável, prazeroso.
Mas quando algo está dando errado, quando o coração está doendo, aí é o momento de adorar a Deus.

Quando adoramos, nos abrimos totalmente, nos esvaziamos, as dores são entregues, as lágrimas lavam a alma.

Adore a Deus

Precisamos entender que não há em nossa vida um tempo onde tudo é perfeito ou imperfeito.
A vida de Jó nos mostra isso, em 24 horas, ele perdeu seus filhos, bens, saúde. Jó escolheu agradecer a Deus independente da sua dor e você também pode tomar a mesma decisão.
Paulo e Silas presos, também escolheram adorar a Deus
Quando será nosso próximo momento de crise? Cada um de nós tem as suas, embora ouço alguns dizerem que não sabem o que é isso. Para os demais, como serão nossa adoração?  Alguns de nós enfrentarão bem e manterão a linha. Adorarão a Deus com sua firmeza. Outros de nós cairão, perderão a compostura, mas poderão adorar a Deus na sua fragilidade. Basta falar a verdade e manter a esperança. Confiar! Quem sabe não produziremos um salmo ou muitos! Alguns equilibrados. Outros, desesperados. Mas ainda assim, adoração!
Quando falo em adoração, não falo cantar, isso é louvor.
Adoração é dar reverência, reconhecer o poder absoluto de Deus, confiar plenamente.
Que possamos fazer de nossas vidas nossa maior adoração…

Conheça mais de perto o criador e apaixone-se por ele…

“Eu te conhecia só de ouvir, mas agora os meus olhos te vêem”. (Jó 42:5).

Quando adoramos em meio à dor, estamos declarando a Ele, que apesar de tudo e de qualquer coisa que estamos passando, confiamos nele.
Seja qual for o motivo da sua dor, abra mão dela e adore ao Senhor.
Sua benção está pertinho de você, se levante e adore ao Senhor.

Tecnologia do Blogger.

Rádios que ouço

Rádio Palavra de Vida - Rádio Evangélica que toca em seu coração WEB RÁDIO RGA

Participo