Dois homens, duas escolhas.

"Os céus e a terra tomo, hoje, por testemunhas contra ti, que te tenho proposto a vida e a morte, a bênção e a maldição; escolhe, pois, a vida, para que vivas, tu e a tua semente"
Deuteronômio 30:19. 



Por: Vanderleia Silva

Tudo envolve escolhas.
Elas são feitas desde que nascemos até quando morremos.
Antes de fazermos uma escolha encontramos dois caminhos. Ficamos diante do bem e do mal, do certo e do errado.
Deus nos deixou o livre arbítrio, ou seja, nós decidimos que caminho tomar.
Muitas ou na maioria as escolhas não são fáceis. A Bíblia nos relata vários exemplos de escolhas que deram certo e outras que não deram.
Vou falar de dois exemplos, dois homens que fizeram escolhas diferentes na mesma área.

Davi


Sua história está relatada em 2 Sm 11.
Davi optou por ficar em casa quando deveria estar na guerra liderando seus homens na batalha.
Passeando pelo terraço ele vê Bate-Seba tomando banho. Depois de ceder  ao desejo visual, ele cedeu ao desejo sexual. Como se não bastasse ele escolhe matar o marido dela.
E como toda escolha tem suas consequências com Davi não foi diferente, o Senhor disse em 2 Sm 12.11-12, que da própria casa de Davi, seria levantado  alguém que tomaria suas mulheres e se deitaria com elas à vista de todos. O que Davi fez às escondidas este faria a luz do dia.
Isso se cumpriria em Absalão (2 Sm 16.20-23).
Apesar, de tantas escolhas desastrosas, ele faz uma que  agradou a Deus, se arrependeu a Deus ( Sl 51).
Mas receber perdão não quer dizer que estaremos livres das consequências.

José

A sua história está em Gn 39.
A bíblia diz claramente que todos os dias a mulher de Potifar o seduzia.
Mas ao contrário de Davi, ele escolher não ceder.
Mas aquela mulher chegou ao seu limite, ao arrancar o seu manto José tinha duas escolhas: ceder ou fugir. Ele fugiu.
Antes mesmo de ceder, ele já havia escolhido permanecer fiel a Deus.
Aqui temos uma ideia  de que a fidelidade de José a Deus foi recompensada com anos de prisão. Mesmo na prisão ele continuou a viver de acordo com os planos divinos.
Durante todas as suas provações José escolheu ser fiel a Deus.
Já pensou qual poderia ter sido as consequências se ele escolhesse ceder?
Se o fizesse, ele não salvaria sua família da fome.


As escolhas que fazemos podem afetar muitas pessoas ao nosso redor.
Como tem sido suas escolhas?
Apenas para satisfazer você?
Ou para honrar ao Senhor?

Que o Espírito Santo te ajude nas suas escolhas.
Paz!





Tecnologia do Blogger.

Rádios que ouço

Rádio Palavra de Vida - Rádio Evangélica que toca em seu coração WEB RÁDIO RGA

Participo