Um homem de verdade

“Em verdade vos digo que, entre os que de mulher têm nascido, não apareceu alguém maior do que João 
Baptista; mas aquele que é o menor no reino dos céus é maior do que ele”. Mateus 11;11.


Paz queridos, mais uma vez um texto para os nossos irmãos leitores, escrito pelo irmão Eduardo Araújo do blog O grão de trigo



O que nos torna um grande homem de Deus? Quais os requisitos que devemos ter para venhamos receber tal aprovação?
Ao lermos a referencia citada acima, vemos o próprio Jesus colocando a João Batista em um patamar acima de todos os demais homens que nasceram de mulher, ou seja, homens naturais como eu e você. E para entendermos isso, será necessário que entendemos duas coisas: 
A primeira é que o ministério de João caracterizava-se em preparar o povo para a vinda do Messias, ele foi o último profeta que antecedeu o Messias prometido.
E a segunda coisa é que: João reconheceu o seu limite, pois por mais que ele tenha se destacado, por mais 
importante que o seu ministério tenha sido, ele não se deixou levar pelo sucesso de sua carreira, como muitos lamentavelmente tem se deixado levar pelos 5 minutos de fama de seus ministérios.
João havia se destacado de tal maneira que alguns pensaram ser ele o messias, vejam o texto a seguir: “ E este é o testemunho de João quando os judeus mandaram de Jerusalém sacerdotes levitas para que lhe perguntassem: Quem és tu? E confessou, e não negou; confessou: Eu não sou o Cristo. E perguntaram-lhe: Então quê? És tu Elias? E disse: Não sou. És tu profeta? E respondeu: Não. Disseram-lhe pois: Quem és? Para que demos resposta àqueles que nos enviaram; que dizes de ti mesmo? Disse: Eu sou a voz do que clama no deserto: Endireitai o caminho do Senhor, como disse o profeta Isaías, e os que tinham sido enviados eram dos fariseus”. João 1.19-24.
Ao que tudo indica, João estava muito preocupado que o povo lhes transferisse uma adoração que pertencia tão somente a Jesus, e isto é tão verdade que na primeira oportunidade que ele teve deixou bem claro para o povo quem era o messias; a quem eles deveriam seguir, e isto ele fez por duas vezes. Vejam o texto abaixo em João 1;29,30. “No dia seguinte João viu a Jesus, que vinha para ele, e disse: Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo. Este é aquele do qual eu disse: Após mim vem um varão que foi antes de mim; porque já era primeiro do que eu”. e nos versículos: 35,36,37. “No dia seguinte João estava outra vez ali, e dois dos seus discípulos; E, vendo passar a Jesus, disse: Eis aqui o Cordeiro de Deus. E os dois discípulos ouviram-no dizer isto, e seguiram a 
Jesus”.
Devemos tomar muito cuidado com o orgulho e a soberba, pois a bíblia nos diz que: “ Não é o discípulo mais do que o seu mestre, nem o servo mais do que o seu senhor. “. Mateus 10;24.
Portanto por mais usado que você venha ser ou por maior e mais importante seja o nosso ministério, você será 
sempre o servo e Ele (Jesus) o Senhor.

Tecnologia do Blogger.

Rádios que ouço

Rádio Palavra de Vida - Rádio Evangélica que toca em seu coração WEB RÁDIO RGA

Participo