Casamento

Vanderléia Silva

Quando eu era menina, bem antes da adolescência eu já sonhava com minha casa, meus filhos e marido.
Acredito que seja o sonho da maioria das mulheres.
Quando entrei na adolescência os sonhos aumentaram mas se quer tinha em mente ou não fazia questão de pensar nas dificuldades que poderiam vir com um casamento.
Esses sonhos de uma felicidade sobrenatural, foram diminuindo à medida que comecei a frequentar o grupo de irmãs da minha igreja (mas nada que diminuísse o desejo de casar kk) . Aceitei a Jesus aos 12 anos, aos 15 me batizei e logo fui frequentar o grupo da união feminina. Sem dúvida alguma, foi uma faculdade!
Ali percebia que por mais que um casal fosse feliz, eles encontrariam dificuldades que poderiam uni-los ou os separar de vez.
Mas algo importantíssimo em um casamento é o desejo de cada um querer ser melhor para o outro.
Muitas vezes culpamos nosso cônjuge de algo, quando na realidade o defeito está em nós.
Com o passar dos dias, meses, o romantismo já não é garantia nenhuma de um belo casamento.
Vejo o casamento como o maior empreendimento na face da terra. É algo vindo do coração de Deus para a humanidade.
Erradamente vejo moças entrando em um casamento com erradas motivações, como apenas para sair da casa dos pais, para poder ter sua vida sexual, para ter sua independência.
Sexo não sustenta casamento
E desejar ser independente é o mesmo que assinar seu divórcio, quando casamos somos um, nos tornamos uma só carne.“Melhor é serem dois do que um, porque têm melhor paga do seu trabalho. Pois se caírem, um levantará o seu companheiro; mas ai do que estiver só, pois, caindo, não haverá outro que o levante. Também, se dois dormirem juntos, eles se aquentarão; mas um só como se aquentará? E, se alguém quiser prevalecer contra um, os dois lhe resistirão; e o cordão de três dobras não se quebra tão depressa.” (Ec 4:9-12)
Não diria em regras, mas para um casamento bem sucedido existem importantes elementos que contribuem para que ele seja bem sucedido.

1-Não se coloque em jugo desigual
2-Busque orientação e confirmação de Deus (este ponto posso falar de experiência própria, orei 3 anos antes mesmo de começar o namoro, depois mais 3 anos durante o namoro, e acredito piamente que o meu casamento tem a aprovação de Deus).
3- Oração
4-Perdão
5-Diálogo

Por mais que seja abençoado e confirmado por Deus, ainda sim, existirá dias e momentos difíceis no casamento, mas nada impossível para o autor do casamento nos ajudar.


Veja o que a bíblia diz:
 para os maridos:
“Portanto, deixará o homem a seu pai e a sua mãe, e unir-se-á à sua mulher, e serão os dois uma só carne” (Gn 2.24).
– “Vós, maridos, amai a vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela” (Ef 5.25).
– “Igualmente, vós, maridos’, vivei com elas com entendimento, dando honra à mulher, como vaso mais frágil, e como sendo elas herdeiras convosco da graça da vida, para que não seja impedidas as vossas orações” (1 Pe 3.7).


para as esposas:
-Olha pelo governo da sua casa, e não come o pão da preguiça” (Pv 31.27).
– “Todavia, aos casados, mando, não eu mas o Senhor, que a mulher não se aparte do marido” (1 Co 7.10).
– “Da mesma forma as mulheres sejam respeitáveis, não maldizentes, sóbrias e fiéis em tudo” (1 Tm 3.11).
– “Semelhantemente, vós, mulheres, sede submissas a vossos próprios maridos, para que também, se alguns deles não obedecem à palavra, pelo procedimento de suas mulheres sejam ganhos sem palavra” (1 Pe 3.1).


Não tire Jesus de seu casamento, ele deseja participar ativamente, fazendo as mudanças que só ele pode fazer!
E esteja disposto(a) às mudanças que são necessárias!
Deus abençoe teu casamento.

Tecnologia do Blogger.

Rádios que ouço

Rádio Palavra de Vida - Rádio Evangélica que toca em seu coração WEB RÁDIO RGA

Participo