Violada, mas restaurada





Hoje o tema é um pouco pesado porém necessário.
Nosso pano de fundo é a história de Tamar, uma linda princesa que despertou o encanto em seu meio irmão Amom (leia em 2 Sm 13).
Aqui ocorre um estupro, ele a engana, usa de artifícios para ficar só com ela. ela implora pede que ele não cometa o estupro, mas seus desejos são violentos.
Vejo o estupro como uma das maiores crueldades que a mulher pode sofrer, pois em sua totalidade isso ocorre ainda na infância ou adolescência.
E é uma marca que nunca desaparecerá, ainda que aquela dor venha ser curada, a cicatriz sempre ficará ali, nas lembranças.
Talvez você que esteja lendo este texto, não tenha sido propriamente estuprada, mas talvez molestada, tocada de uma forma da qual jamais deveria ser tocada, e que pra piorar  são por homens próximos, em que você confiava.
O fato de Tamar ser uma princesa, estar próxima do rei, não foi o suficiente para protegê-la da violência sexual, nem tão pouco receber o apoio emocional que precisava. Mesmo o rei, seu pai sabendo do ato nada fez por ela.
Esse tipo de violência traz a culpa, a vítima se sente culpada, como se ela de alguma forma tivesse provocado.
Assim como Tamar não encontrou apoio na família, talvez você esteja vivenciando o mesmo. Não teve apoio ou se quer conseguiu contar pra alguém de sua família. E com isso a dor, a vergonha, a culpa já se enraizaram em seu coração.
Mas posso te garantir algo precioso, no Senhor você terá não só o apoio, mas a CURA que você necessita.
O começo da cura, é quando pedir a Deus que remova a culpa que você sente.
Segundo passo: PERDÃO.
Esse é o passo mais difícil. De você mesma é impossível, mas você pode ser ajudada pelo Espírito Santo a dar o perdão.
O estupro ou outra violência foram  cometidos sem sua permissão, porém agora, você precisa permitir que o Senhor te sare.

Assim como Tamar, somos princesas, somos filhas de um Rei, de um Deus Todo- poderoso!
Não como Davi, o Senhor deseja te restaurar, remover de você toda dor, toda mágoa.

Seja qual for a dor  que você carrega a anos, talvez não tão grave quanto um estupro, talvez sejam palavras que te feriram e que ainda doem dentro você.Talvez uma traição, uma mentira.

Tente se esvaziar de todas suas dores, feridas. O Espírito Santo deseja te auxiliar nesse processo.
Não há porque se agarrar às feridas.
Seja livre, viva em plenitude de vida.
Jesus veio, morreu naquela cruz para que você tenha vida, e vida em abundância.
"esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim" Filipenses 3:13


Este vídeo complementa o texto: Como se cura a ferida.

Tecnologia do Blogger.

Rádios que ouço

Rádio Palavra de Vida - Rádio Evangélica que toca em seu coração WEB RÁDIO RGA

Participo